Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Sab | 01.12.18

Três para o mês // Dezembro

Olá, Dezembro, sê bem-vindo. Ao contrário da maioria das pessoas, que fica triste por ver o ano acabar, eu fico entusiasmada com a perspectiva de um novo ano. Confesso que aí a partir de Outubro é comum dizer coisas como “já estou farta deste ano” ou “2018 nunca mais acaba”. Não sei bem porque é que isto acontece, mas podem calcular, então, que a chegada do último mês do ano é algo bom para mim.

 

PLANOS-DEZEMBRO.png

 

Gosto de fazer balanços e faço-os em vários momentos. Esta rubrica e o meu aniversário são, aliás, exemplo disso. Não acho que devamos deixar todos os balanços e resoluções para o final de um ano e início de outro; para mim é importante repensar o que podia ter corrido melhor e sentir-me agradecida pelas coisas boas. Mas não deixo de reservar um bocadinho do meu tempo para um balanço final.

 

Antes de falarmos sobre isso - e como de costume - quero então destacar três coisas que me fizeram especialmente feliz durante do mês de Novembro:

 

 

1. Descansei na Companhia das Culturas

Acho importante reforçar a necessidade de descanso, não apenas físico. Às vezes o cansaço é sobretudo mental e impacta o resto das nossas vidas de uma forma subtil, mas omnipresente. O pior que me pode acontecer é ter a cabeça cansada e os pensamentos adormecidos. Por isso, decidimos começar o mês de Novembro na Companhia das Culturas, um Ecoturismo Sustentável e Orgânico que é tudo de bom na vida. Desde pequenos-almoços tomados tarde e a más horas, a passeios na Praia Verde, passando por tardes dedicadas à leitura, o fim-de-semana prolongado esta exactamente aquilo de que eu precisava.

 

companhia-culturas.jpeg

 

Podem ler sobre a minha experiência na Companhia das Culturas:

> Companhia das Culturas

 

 

2. Falei sobre ter ou não ter filhos

Embora já tivesse abordado este assunto algures nas Instagram Stories, há algum tempo que andava para escrever sobre isto aqui pelo blog. Depois de ter publicado a minha posição sobre a maternidade e, mais do que isso, sobre aquilo que os outros acham sobre a nossa maternidade (ou a ausência dela), recebi muitas mensagens de mulheres com ideias semelhantes à minha. Foi importante perceber que não estou sozinha, obrigada por isso!

 

palavras-cruzadas.jpeg

 

Se não sabem do que estou a falar, é ler aqui:

> Palavras Cruzadas // Esta conversa de ter filhos

 

 

3. Terminei (finalmente!) o livro da Donna Tartt

O meu ritmo de leitura varia muito: tanto sou capaz de ler três livros num mês, como de estar presa ao mesmo livro durante dois ou três meses. Este segundo cenário foi exactamente o que aconteceu com O Pequeno Amigo, da Donna Tartt. Perdi a conta ao tempo que demorei a lê-lo, possivelmente porque não me prendeu da mesma forma que, por exemplo, O Pintassilgo.

 

pequeno-amigo-tartt.jpeg

 

Leiam a book review que fiz:

> Os livros da Rita // O Pequena Amigo, Donna Tartt

 

 

E para Dezembro?

Acontece-me sempre achar que Dezembro é demasiado pequeno para todas as coisas que queremos fazer: jantares de Natal, combinar a passagem de ano, estar com pessoas que não vemos há algum tempo. Tento sempre não stressar e não encaixar coisas na agenda só porque sim. Vou pelo que me faz sentido e tudo corre bem assim. Tirando estas coisas típicas da época, há pelo menos três que sei que vou fazer:

 

1. Vou mudar o cabelo e tatuar. Faço sempre uma mudança ao cabelo nesta altura do ano, porque me farto rapidamente da velocidade a que ele cresce. Não tenho paciência para tratar de um cabelo comprido: horas a secá-lo, demasiado champô e amaciado gasto, enfim. Gosto de me ver de cabelo curto, é a sorte. Para além disso, tenho planeada uma nova tatuagem para o início do mês e depois posso partilhar tudo convosco. Sendo que na semana passada fiz outra assim um bocadinho de impulso, se calhar depois junto tudo num post. Teriam interesse?

 

2. Vou ao Algarve Chefs Week. Aliás, publico isto algumas horas antes de me enfiar no carro para esta visita de médico ao Algarve. Calha que o Guilherme vai actuar ao jantar solidário organizado pelo evento e eu tenho a sorte de poder fazer-lhe companhia. Gostavam que falasse da minha experiência por lá?

 

3. Vou publicar posts sobre as melhores coisas de 2018. À semelhança do que fiz no ano passado, que podem ver aqui, vou dedicar todos as sextas-feiras de Dezembro a fazer um top das coisas boas deste ano. O alinhamento é o seguinte: 5 melhores brunches, 5 melhores momentos, 5 melhores restaurantes, 5 melhores surpresas. Curiosos para saber o que coloquei em cada um deles?

 

 

Por agora é tudo (e já não é pouco). Como foi o vosso mês de Novembro e o que têm à vossa espera em Dezembro? Quero ler-vos!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.