Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

01.10.19

Verbo para o mês // Outubro

Rita da Nova
2019 está a ser uma montanha-russa de emoções, sabem? Chegamos ao décimo mês do ano e eu sinto que passaram décadas desde que começou - já aconteceu tanta coisa. Sei que estou farta de me repetir sobre isto, mas é mesmo uma sensação que não me tem abandonado. O lado bom é que tem sido uma correria que dá frutos; o lado menos bom é que há muita coisa que tem ficado por fazer (o tempo não estica, nem comigo).     Setembro passou num ápice e não consegui fazer todas as (...)
02.09.19

Verbo para o mês // Setembro

Rita da Nova
Chega finalmente o meu mês favorito do ano, a altura em que me sinto a renovar energias quase naturalmente (apesar de não ter tido ainda férias suficientes para marcar o fim de uma época e o início de outra). Agosto terminou tranquilo, com quatro dias de paragem e descanso completo - muita piscina, muito sol e, acima de tudo, pouca regra no que diz respeito a horários e afazeres.     Espero de Setembro que seja o mesmo que em todos os anos: um momento de renovação, de espaço (...)
01.08.19

Verbo para o mês // Agosto

Rita da Nova
Que Julho intenso, este! Se por um lado parece ter demorado anos a passar, por outro olho para trás e vejo que se passou imensa coisa em apenas 31 dias. Dediquei-me a 100% a um livro apenas, passei pelo NOS Alive, aproveitei o sol para estar em jardins e piscinas, e até consegui dar um salto a Londres no fim-de-semana passado. Tudo isto conjugado com um mês especialmente crítico de trabalho e com um mini susto de saúde. Já está tudo bem, foi mesmo só o susto.     Agosto será um (...)
01.07.19

Verbo para o mês // Julho

Rita da Nova
Junho foi-se num ápice. Não sei se foi da instabilidade do tempo, se da Feira do Livro, mas senti que passou a correr. Também não foi um mês fácil: o trabalho e outros reality checks um pouco mais pessoais abanaram um pouco o meu barco emocional - e eu que consigo ser tão estável. Mas bom, o saldo é positivo (mais que não seja ao nível das aprendizagens e do crescimento a que me obrigou).     Entro em Julho com vontade de aproveitar o Verão ao máximo, pese embora as férias (...)