Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

08.07.19

Um ano de casamento

Rita da Nova
Lembro-me perfeitamente da primeira vez que me referi ao Guilherme como meu marido de forma natural - foi na caixa do Continente, quando a senhora me perguntou contribuinte na factura. Eu respondi: “sim, mas não é o que está associado ao cartão, que esse é o do meu marido”. Um momento tão romântico e ele nem estava lá para assistir porque calhou no dia em que fui às compras sozinha.     Faz hoje um ano que lhe tenho vindo a chamar marido. Quer dizer, tecnicamente fez há (...)
06.12.18

O nosso casamento

Rita da Nova
Antes que comecem para aí com os “até que enfins” da vida, sim, eu sei. Faz no sábado cinco meses que casámos e eu ainda não vos tinha falado deste dia tão maravilhoso. Primeiro pôs-se a lua-de-mel e depois a espera pelas fotografias, sem as quais não me fazia sentido nenhum escrever sobre o nosso casamento. Assim que elas chegaram à caixa de e-mail perdi-me a recordar todos os detalhes daquele dia e, como não poderia deixar de ser, acabou comigo a chorar baba e ranho outra vez.   (...)
28.05.17

Até que a morte os separe

Rita da Nova
Sempre tive mixed feelings em relação ao casamento. Não pensem os mais distraídos que o Guilherme fez o pedido e que foi por isso que resolvi dissertar sobre este tema. É que ontem fui convidada num casamento e fiquei a pensar de onde virão estes meus sentimentos tão contraditórios em relação a esta cerimónia.   Os casamentos são sempre festas espectaculares, mais que não seja porque servem como desculpa para juntar amigos e família durante um dia. Estão todos ali para (...)