Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Restaurantes // Delfina - Cantina Portuguesa

Nos dias que correm é cada vez mais raro sair para comer comida típica portuguesa em restaurantes lisboetas. É uma coisa que adoro fazer noutras regiões de Portugal e, até, naqueles restaurantes antigos, que fazem parte da história da capital. Mas, por algum motivo, os novos restaurantes típicos não me atraem tanto - prefiro conhecer novos conceitos, comida de fusão, formas de cozinhar e ingredientes diferentes.

 

delfina.jpg

 

À mesa do Delfina - Cantina Portuguesa, onde me sentei num dia desta semana para dar mais um mini Workshop de Fotografia de Comida em parceria com a Zomato, toda a gente partilhava um bocadinho desta opinião. Porque quando abre um novo restaurante de comida tradicional portuguesa em Lisboa, soa-me sempre a engodo para turistas. E o Delfina, apesar de estar localizado na Praça do Município - muito à mão dos turistas -, consegue atrair portugueses.

 

“Sabem, eu trago muitos clientes portugueses a este restaurante”, disse-nos o condutor do Uber quando estávamos a chegar e nós percebemos logo que íamos ter uma boa experiência. Assim se confirmou, a começar pelos Croquetes de Vitela e os Pastéis de Bacalhau que estavam à nossa espera à chegada. Só gostava que tivessem estado um bocadinho mais quentes, teria sido perfeito.

 

delfina-exterior.jpg

delfina-croquetes-pasteis-bacalhau.jpg

 

Entre as conversas sobre fotografia de comida e as figurinhas que fazemos quando queremos fotografar pratos, pudemos fotografar e provar o Guacamole (com camarão e queijo Halloumi grelhado) e o Crudo de Bacalhau Desfiado - a “punheta” de bacalhau para os mais tradicionalistas. Ambas as entradas eram muito frescas, perfeitas para um início de noite de Verão.

 

delfina-guacamole.jpg

delfina-crudo-bacalhau.jpg

 

Um prato de carne e outro de peixe, como não poderia deixar de ser. Há lá coisa mais portuguesa do que fazer uma refeição com este alinhamento? O meu favorito foi o primeiro, o Lombo de Bacalhau na grelha, com batatas e grelos salteados. O bacalhau estava mesmo no ponto: crocante por fora, mas com as lascas a desfazer-se assim que lhe espetávamos o garfo. O Naco de Novilho, de carne maturada, também estava muito bom. Mas, lá está, eu nestas coisas costumo ser mais peixe do que carne.

 

delfina-lombo-bacalhau.jpg

delfina-naco-novilho.jpg

 

O final da refeição foi exactamente como eu gosto. E, se me acompanham por aqui, já sabem o que isso quer dizer: com sobremesas em barda, para podermos provar um pouquinho de tudo. Ele foi gelados, Leite CremeBolo de Chocolate Cremoso… mas a melhor de todas foi, sem dúvida alguma e de forma muito consensual - o Pecado de Chocolate. É uma mousse de chocolate 70%, com raspas de laranja e flor de sal. Tem a textura e os sabores certos - e fez-me muito feliz acabar numa nota tão positiva.

 

delfina-leite-creme.jpg

delfina-bolo-chocolate.jpg

delfina-mousse-chocolate.jpg

 

Quem desse lado já conhecia o Delfina? Se não conheciam, pelo menos consegui abrir-vos o apetite, certo?

 

Delfina - Cantina Portuguesa Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

2 comentários

Comentar post