Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Qua | 02.01.19

Palavras Cruzadas // Se eu soubesse o que sei hoje

Se eu soubesse o que sei hoje teria descansado em vez de estudar mais meia hora. Teria lido ainda mais livros de ficção e menos manuais escolares. Teria estado menos obcecada em apontar tudo o que os professores diziam e mais focada em observar as pessoas à minha volta.

 

se-eu-soubesse.jpg

 

Quando eu era criança (e depois pré-adolescente) vivia constantemente no medo de não ser suficiente. Tinha que ser a melhor em tudo, conseguir notas máximas e garantir que, no final do dia, ninguém tinha nada para me apontar. Ninguém me obrigava a ser assim, eu é que nasci com a mania das perfeições (virginiana, pessoas!). E era complicado mostrarem-me que não precisava de ser excelente em tudo para ser feliz.

 

Era (e sou) ansiosa por natureza. Os nervos antes dos testes, no minuto antes de uma apresentação, no momento em que me faziam uma pergunta em voz alta. Refugiava-me muito nisso e pouco nas pessoas, o que só fez com que a minha desconfiança perante os outros fosse constante.

 

E sabem de que é que isso me valeu? De nada. Teria entrado na faculdade na mesma se tivesse brincado mais, teria aprendido melhor no contacto com os outros do que com os muros que criava perante eles. O método, a disciplina e a inflexibilidade são bons aliados e formam carácter, mas podem tornar-se rapidamente um veneno e comer-nos por dentro se não conseguirmos impor-lhes limites.

 

Não sei bem quando se deu o momento de viragem. Quando é que relaxei e percebi que o desconhecido pode ensinar-nos muita coisa. Nem sequer sei quando é que deixei de ficar nervosa por tudo e por nada ou de me preocupar em ser 100% com tudo, mas ainda bem que foi relativamente cedo na vida.

 

Conto-vos tudo isto hoje por um simples motivo: porque gostava de me ter apercebido de tudo isto mais cedo. Teria sido importante para mim que me tirassem da minha rotina imaculada e me atirassem para coisas que eu não conseguia (nem podia) controlar. E vocês, como completariam a frase “se eu soubesse o que sei hoje…”?

 

____

Este é o 28º post da rubrica Palavras Cruzadas, criada em parceria com o P.A., mas vocês também estão mais do que à vontade para pegar nos temas e escrever sobre eles. O tema desta semana foi ideia minha - sabem o que isso significa? Que estou completamente nas mãos dele para o próximo desafio!

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Rita da Nova

    02.01.19

    Compreendo, acho que por um lado também foi este meu estado nervoso normal e esta minha vontade de perfeccionismo que me fez como sou!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.