Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Palavras Cruzadas // Eyes on the prize

Ao contrário da maioria das pessoas, eu não tenho stress pós-férias. Tenho muito stress pré-férias, tenho algum stress nos primeiros dias de férias, mas volto incrivelmente zen para o pós-férias. Não é segredo para ninguém que eu trabalho para poder viajar e isso, de certa forma, dá-me um alento diferente.

 

palavras-cruzadas-patagonia.jpg

 

Assim que regresso tenho logo a cabeça nas próximas férias, mesmo que não sejam sinónimo de descanso (raramente são). Gosto de pôr os pés na terra, caminhar, andar no meio da natureza e no meio das pessoas. Engraçado como fujo delas no dia-a-dia, mas conhecê-las é das coisas que mais gosto de fazer durante as férias. Por isso, deste lado não há drama nenhum. Há, como sempre, um regresso lento e tranquilo à realidade - como se acordasse muito cedo a um sábado de manhã, mas não tivesse nada para fazer.

 

Embora tenha uma viagem marcada para Copenhaga em Setembro, para celebrar o meu aniversário, a minha cabeça está na Patagónia. É a viagem que temos pensada para fazer no início do ano que vem e eu mal me aguento de excitação (apesar de faltar quase meio ano).

 

E vocês, como reagem ao regresso das férias? Já agora, têm dicas para aproveitar melhor Copenhaga e/ou a Patagónia? Quero saber tudo!

 

____

Este é o 17º post da rubrica Palavras Cruzadas, criada em parceria com o P.A. e, quem sabe, convosco também. O tema desta quinzena foi ideia dele, por isso desta vez sou eu a lançar o repto. E já que estamos numa de falar de férias, por que não escrevermos sobre uma ida à praia?

9 comentários

Comentar post