Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Sex | 04.01.19

Os livros da Rita // Slaughterhouse 5, Kurt Vonnegut

É possível que nunca tenha partilhado isto convosco, mas eu tenho uma lista no telemóvel onde aponto vários clássicos que quero ler antes de morrer. Claro que depois acabam por ficar mais esquecidos, mas quando os encontro com bons descontos no Bookdepository compro para ler. O Slaughterhouse 5, escrito por Kurt Vonnegut, fazia parte desta lista infindável até que eu decidi lê-lo neste período natalício.

 

post-4.jpg

 

Diga-se de passagem que é um livro muito pouco festivo, já que fala sobretudo da guerra e dos seus efeitos destrutivos. A ideia para escrever esta obra esteve parada durante duas décadas, sobretudo porque o autor tinha dificuldades em descrever aquilo que ele próprio viu quando representou os Estados Unidos da América durante a II Grande Guerra. Aliás, parte dos acontecimentos deste livro são inspirados na experiência dele (incluindo a estadia no Matadouro 5, que deu nome ao livro).

 

There are almost no characters in this story, and almost no dramatic confrontations, because most of the people in it are so sick and so much the listless playthings of enormous forces. One of the main effects of war, after all, is that people are discouraged from being characters.

 

É uma novela muito pequena, mas com uma narrativa muito pouco linear. Ao longo das suas páginas seguimos a personagem principal, Billy Pilgrim, em diferentes momentos da sua vida, não necessariamente temporalmente organizados. Tão depressa estamos com ele na guerra, como o acompanhamos na infância, como passamos para a sua suposta experiência com alienígenas. Pode parecer confuso, mas garanto que conseguem acompanhar tudo.

 

‘But you do have a peaceful planet here.’ 

‘Today we do. On other days, we have wars as horrible as any you’ve seen or read about. There isn’t anything we can do about them, so we simply don’t look at them. We ignore them. We spend eternity looking at pleasant moments - like today at the zoo. Isn’t this a nice moment?’

 

Num livro assumidamente anti-guerra, Kurt Vonnegut utiliza metáforas interessantes para explicar as consequências da guerra para quem a vive de perto e fala de temas relacionados, como a glorificação da guerra e o livre-arbítrio. Não se pode dizer que tenha mudado a minha vida, mas acho que vale muito a pena ler.

 

Quem é que desse lado já leu este livro? Recomendam-me outras obras do mesmo autor? Quais?

 

_________

Slaughterhouse 5 by Kurt Vonnegut

Avaliação: 7/10

Semelhante a: Por Quem os Sinos Dobram, Ernest Hemingway

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Rita da Nova

    07.01.19

    Eu gosto sempre de ler e ver coisas sobre a Segunda Guerra Mundial exactamente por essa reflexão que existe sempre depois!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.