Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Sex | 08.11.19

Marrocos // O que saber

Agora que passou quase uma semana desde o regresso de Marrocos, chegou finalmente a altura de vos falar um pouco da viagem. Como já tinha tido oportunidade de partilhar convosco, não era um destino que eu quisesse muito conhecer, mas foi a melhor possibilidade dentro das condições que tínhamos estabelecido - só tínhamos uma semana de férias, não queríamos gastar muito dinheiro e procurávamos essencialmente ter um choque cultural.

 

marrocos-1.jpg

 

E, nesse sentido, Marrocos foi o local perfeito para estas férias. Confesso que ia com algum receio de algumas coisas, nomeadamente da segurança, mas afinal não foi tão dramático como eu achava. Como recebi algumas mensagens com algumas perguntas mais gerais sobre viajar em Marrocos, decidi juntar aqui uma série de conselhos para quem está a planear fazer um percurso semelhante ao nosso.

 

Segurança

Começo pelo ponto que me preocupou mais, até porque quando nos estávamos a preparar a viagem lemos uma série de blogs e artigos a alertar para a quantidade de esquemas que os marroquinos têm para nos ficar com o dinheiro. Preparem-se para estar a andar na rua e serem constantemente abordados para vos dizerem que a rua onde estão está cortada, que o caminho não é por ali, etc. É uma forma que eles têm de vos levar por outros caminhos dentro das Medinas e vocês ficarem tão perdidos que têm de lhes pagar para encontrar o sítio que querem.

 

Não é a coisa mais agradável, como podem calcular, mas se os ignorarem e forem firmes eles eventualmente acabam por desistir. Tirando isso, não achei que fosse propriamente inseguro - claro que eu não arrisquei em andar de telefone na mão e estive sempre atenta à minha mochila, até porque a maioria dos roubos dão-se sem que notemos. Mesmo andar à noite no meio das Medinas é algo que se faz relativamente bem, mas que não aconselho se forem raparigas sozinhas.

 

marrocos-2.jpg

 

 

Transportes

Nós optámos por não levar carro de Portugal nem alugar carro lá, uma vez que nos avisaram do caos que é conduzir. E, de facto, depois pudemos confirmar que eles são um perigo com um carro nas mãos - não há regras nem cuidados! Voámos de Lisboa para Tânger e de Marraquexe para Lisboa; no meio disso escolhemos andar de autocarro entre os grandes destinos. Recomendo muito: são confortáveis, baratos e relativamente rápidos. Tenham só cuidado porque é preciso pagar para a mala ir lá em baixo, mas custa uns 0,50€ por mala, então não é problemático.

 

Dentro das cidades andámos essencialmente a pé e, mais raramente, de táxi. É comum que tentem enganar-vos também no preço do táxi, por isso perguntem sempre nos hotéis e riads qual o preço máximo que devem pagar consoante o percurso porque isso vai ajudar-vos a negociar.

 

 

Regatear, regatear, regatear

Isto leva-me a um dos pontos mais importantes em Marrocos: mesmo as coisas que têm um preço afixado são, por norma, possíveis de regatear. Para mim foi uma parte muito cansativa da viagem porque simplesmente não tenho perfil, mas o Guilherme adorou! Regra geral, as coisas são bastante baratas em Marrocos, por isso desconfiem se vos pedirem muito dinheiro - é sinal que têm de regatear! Vão com paciência, que tudo se resolve.

 

marrocos-4.jpg

 

As pessoas

Por isto tudo pode parecer que eu odiei os marroquinos, só que não é bem assim. Sim, são chatos e é preciso muita paciência para lidar com eles, mas nunca são agressivos e muito raramente são mal-educados. Para além disso, são super engenhosos! Conheci pessoas sem a escolaridade mínima obrigatória que aprenderam sozinhos a falar mais de 4 línguas diferentes e eles arranjam sempre forma de fazer negócio (é preciso audácia para isso!).

 

marrocos-3.jpg

 

Bem sei que isto não é tudo o que precisam de saber antes de ir a Marrocos, mas foram as coisas que mais me ajudaram por lá e espero que vos sejam úteis! Antes de vos falar em concreto dos destinos que conheci, têm alguma dúvida mais concreta? Podem deixá-la na caixa de comentários!

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.