Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Sex | 03.05.24

Klara and the Sun, Kazuo Ishiguro

Continuo na minha batalha de ler a montanha de livros que tenho cá em casa, antes de comprar mais. E devo dizer que estou a ser bastante bem sucedida: desde o final do ano passado que tenho reduzido significativamente a quantidade de títulos que estavam parados cá por casa. Porque é que vos digo isto? Porque Klara and the Sun (PT: Klara e o Sol), de Kazuo Ishiguro, era um desses livros — até ao momento em que decidi escolhê-lo para o Clube do Livra-te de abril.

 

klara-and-the-sun-kazuo-ishiguro.JPG

 

Fui um pouco de pé atrás porque já tinha tentado ler Ishiguro antes — The Remains of the Day (PT: Os Despojos do Dia) —, mas não tinha conseguido ligar-me à história, acabando por deixar de parte. Ainda assim, algo me dizia que a experiência com este livro seria diferente e não me enganei. Klara and the Sun relata a relação de amizade entre uma Amiga Artificial (Klara) e uma menina real (Josie), desde o momento em que Klara está à venda na montra de uma loja e Josie quer comprá-la.

 

Until recently, I didn’t think that humans could choose loneliness. That there were sometimes forces more powerful than the wish to avoid loneliness.

 

Gostei muito deste mundo distópico que o autor criou, e acho que aquilo que apreciei mais foi o facto de ser tão próximo de uma realidade que poderíamos estar a viver neste momento. Por isso mesmo, ficou a faltar um pouco mais de desenvolvimento sobre alguns dos elementos desse contexto, mas não prejudicou demasiado a leitura porque ela vive muito da dinâmica existente entre personagens. Além disso, creio que o livro ganha muito pelo facto de ser sempre narrado do ponto de vista da Klara, já que nos permite ir descobrindo a vida com ela.

 

Acho que é um daqueles livros que vai ficar comigo durante muito tempo, até porque me levou a pensar sobre vários temas: as relações de amizade que estabelecemos ao longo da vida, o facto de a maldade estar quase sempre nas pessoas e não na Inteligência Artificial, a maneira como descartamos coisas e pessoas quando já não precisamos delas. Tenho a certeza de que vos fará também pensar sobre estes ou outros temas, ao mesmo tempo que ficarão apaixonados pela inocência da Klara.

 

Também gostaram deste livro? Se sim, que outros do autor me recomendam ler de seguida? Sinto que já estou pronta para lhe dar mais oportunidades.

----------

O que é o Clube do Livra-te?

É o clube do livro do podcast Livra-te — calma, não precisam de acompanhar o podcast para participar nas leituras. Todos os meses, cada uma de nós escolhe um livro para ler em conjunto convosco e vocês podem optar por ler a escolha da Joana, a escolha da Rita ou ambas. Depois, podem deixar a vossa opinião no grupo do Goodreads ou no Discord. Podem juntar-se a qualquer altura, venham daí!

13 comentários

Comentar post