Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Ter | 28.04.20

Fazer tempo para ler

Continuo nesta caminhada de escrever por aqui alguns posts com temas que vocês sugeriram lá no Instagram. Uma coisa que me perguntam algumas vezes é: como é que tens tanto tempo para ler? Bom, começo por dizer que provavelmente tenho o mesmo tempo que a maioria de vós, por isso não é tanto uma questão de ter tempo para ler, mas mais de fazer tempo para ler.

 

A8433518-92DE-4649-A429-5BEE1E1CA43A.jpg

 

Mais uma vez, aquilo que aqui escrevo é o que sei que resulta para mim e dentro da minha rotina. Por exemplo: eu não ando de transportes públicos, mas quando andava reservava esse tempo para a leitura. Agora é um bocadinho difícil ler e conduzir ao mesmo tempo, por isso guardo esse tempo de leitura para a hora de almoço - como tenho companhia da minha Joana para ler, torna-se mais fácil. Isto, claro, assumindo que estamos em tempos fora da quarentena.

 

Se calhar, o melhor mesmo é deixar-vos algumas sugestões para melhorar ou implementar novos hábitos de leitura nos dois cenários - em quarentena e na vida normal.

 

Ler na vida “normal”

Não sei se me consigo bem lembrar de como era, mas sei que havia algumas dicas importantes:

 

> Andar sempre com um livro. Parece clichê, mas se não andarem sempre com um livro atrás, não vão conseguir aproveitar oportunidades que vão surgindo no vosso dia para ler. Quando trabalho no escritório, costumo deixar lá sempre um livro para ler nas horas de almoço, por exemplo.

> Aproveitar “tempos mortos” para ler. Seja uma fila de espera, uma pausa num jardim ou 10 minutos entre uma coisa e outra. Acredito que 5 minutos de leitura são melhores do que nenhum, por isso toca a aproveitar melhor o tempo!

> Menos um episódio, mais um capítulo. Cá em casa temos o hábito de ver séries às refeições e ler a seguir ao jantar. Isto faz com que consigamos conjugar as duas coisas, sem sentirmos que estamos a abrir mão de uma delas.

 

2019-06-16 04.34.57 1.jpg

 

 

Ler em tempos de quarentena

Aqui as coisas ficam mais estranhas, as rotinas mudaram todas e os hábitos de leitura também. Aqui vão algumas coisas que têm resultado comigo:

 

> Ler nas horas em que estaria no trânsito. Não aplico de manhã, mas tento usar o tempo entre deixar de trabalhar e jantar para ler. Normalmente estaria uns 45 minutos no trânsito para regressar a casa, por isso agora tento usar esse tempo para ler.

> Dedicar um dos dias do fim-de-semana à leitura. Para mim costuma ser o domingo porque o Guilherme vai trabalhar e a casa fica silenciosa. Chego a fazer grandes maratonas de leitura se o livro estiver a puxar por mim. Caso não esteja, vou fazendo mais pausas, mas não deixo de ler.

> Manter a leitura pós-jantar. Nestes tempos de quarentena deixei de treinar logo de manhã e passei a fazê-lo à hora de almoço ou ao fim do dia. Isso significa que acordo mais tarde e, consequentemente, me deito mais tarde também. Logo, não tendo tanto sono à noite, tenho aproveitado para ler depois do jantar (primeiro no sofá e, algumas vezes, também na cama).

 

IMG_9710.jpg

 

Espero que estas sugestões sejam úteis para vocês. Se só puderem levar uma mensagem deste post, eu gostava que fosse esta: conseguimos sempre fazer tempo para ler. Provavelmente temos que abdicar tempo de outras coisas, como ver séries - mas, se quisermos mesmo ler mais, é uma escolha que não vai custar nada! E agora quero que me contem também sobre os vossos hábitos de leitura e como fazem tempo para ler!

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Rita da Nova

    29.04.20

    Obrigada, Inês 🙌
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.