Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

21.10.19

Londres // Escapada de fim-de-semana

Rita da Nova
Fim-de-semana. Londres. Poucos planos, mas acabou por acontecer muita coisa. Se me acompanharam pelo Instagram podem ter visto algumas Instagram Stories, mas nada como reforçar aquilo que fez com que este fim-de-semana tivesse todos os ingredientes que fazem de mim uma miúda feliz.     Primeiro, só o acto de viajar em si (mesmo que seja para um destino onde já fui imensas vezes, uma delas este ano). Londres é um escape de cultura e vida, onde sabe sempre bem ir de vez em quando - (...)
04.10.19

Madeira // Uns dias de pausa

Rita da Nova
Os quatro dias que estive na Madeira serviram quase como um retiro entre o final de um trabalho e o início de outro. Não tinha noção do quanto precisava de uns dias assim, tranquilos, até chegar à ilha. O intuito era apenas estar lá para o casamento de dois amigos, mas tornou-se em muito mais do que isso.     Bem sei que me enviaram dezenas de ideias e recomendações de coisas para ver, fazer e comer, mas acabei por andar um bocadinho à deriva - e foi isso que tornou estes dias (...)
25.09.19

A caminho da Madeira

Rita da Nova
No final do dia de hoje ponho-me a caminho da Madeira, onde fico até domingo. Tinha uns 7 anos quando lá fui pela primeira vez e lembro-me de muito pouco - na realidade, as únicas coisas de que me lembro bem são o quarto de hotel e de andarmos com um taxista a percorrer a ilha.     O real motivo que nos leva à Madeira só acontece no sábado e é o casamento de dois amigos, que decidiram fazer a festa por lá. Mas como nunca é demais aproveitar para conhecer (ou avivar a (...)
09.08.19

Londres // Um fim-de-semana em comida

Rita da Nova
Durante o fim-de-semana que passámos em Londres lembrei-me várias vezes do Dividimos a Conta com a Teresa Cameira, onde ela falou desta cidade como o destino gastronómico mais completo que já conheceu. E embora a comida tradicional inglesa seja meio nheca, a verdade é que em Londres se encontram todas as comidas e mais algumas, das mais normais às mais estranhas.     Para além de ir munida de uma lista infindável de livrarias (das quais visitei apenas uma meia dúzia - que podem conhecer