Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

23.08.21

My Dark Vanessa, Kate Elizabeth Russell

Rita da Nova
É muito raro acabar um livro com a sensação de “este é claramente um dos meus favoritos da vida”, mas posso dizer que aconteceu assim que fechei My Dark Vanessa, de Kate Elizabeth Russell. Aliás, corrigindo: foi acontecendo ao longo da leitura, mas tive a confirmação quando o terminei. Agora, atenção: este livro tem de vir acompanhado por um grande trigger warning sobre tudo o que tem a ver com abuso sexual, violação e grooming – não sei bem a tradução, mas neste caso (...)
16.08.21

Everything I Know About Love, Dolly Alderton

Rita da Nova
Ora aqui está um livro que percorreu tudo o que é Internet e esteve em todas as pilhas de livros para ler das pessoas que acompanho (e em cuja opinião confio bastante). Confesso que nunca tive uma vontade muito grande de o ler, apesar de saber que provavelmente iria gostar, mas a situação mudou depois de ler Ghosts e, sobretudo, depois de começar a ouvir audiolivros.      Everything I Know About Love é um livro de memórias, na lógica das crónicas que foi escrevendo para a (...)
11.08.21

A Gorda, Isabela Figueiredo

Rita da Nova
Quando comecei a ler A Gorda, de Isabela Figueiredo, tive desde cedo a impressão de estar a deparar-me com uma espécie de O Retorno, de Dulce Maria Cardoso. O enredo tem contornos muito semelhantes, a escrita também tem um toque ou outro a fazer lembrar a Dulce, mas não me convenceu na totalidade.      Começando pelo princípio, ou seja, o enredo. Maria Luísa regressa de Moçambique antes dos pais e fica primeiro num colégio interno só de raparigas e, depois, com uma tia. Na (...)
10.08.21

Know My Name, Chanel Miller

Rita da Nova
Então não é que continuo nesta mistura bonita entre audiolivros, e-books e livros físicos? O último ano tem sido muito bom para explorar novas formas de ler e de consumir histórias – o Kobo trouxe-me primeiro os livros em formato digital e, agora, em formato áudio. Já tinha partilhado convosco que tenho alguma dificuldade em ler não-ficção, mas que estou a adorar ouvir esse género de livros, e é nesse registo que tenho continuado.      Know My Name, de Chanel Miller, (...)