Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

30.01.19

Palavras Cruzadas // Verdade vs. Mentira

Rita da Nova
Por causa do trabalho, acompanho de perto uma newsletter chamada “Salmon Theory”, escrita por um planner estratégico português a viver no Reino Unido. A premissa é simples: aproximar o trabalho de estratégia (digital, de comunicação, de marca, etc) à filosofia - enquanto forma de pensar e estar no mundo. Porque é que vos conto isto tudo? Porque, para 2019, a ideia dele é explorar temas que são binários, (...)
19.12.18

Palavras Cruzadas // A minha passagem de ano ideal

Rita da Nova
Há quem sonhe em viajar para destinos exóticos ou estar presente celebrações tão conhecidas como a passagem de ano da Madeira, do Rio ou de Sydney. Há quem goste de festejar até ser dia, com muita dança e álcool à mistura. Há aqueles que não dispensam bater panelas, comer passas, sincronizar a televisão para o countdown final. Sem esquecer os que usam cuecas azuis novas e os que gostam de dar um beijo no amor da sua vida quando o ano vira.     Seja como for, todos queremos (...)
04.12.18

Workshops de Escrita Criativa // Datas de Janeiro

Rita da Nova
O workshop de Escrita Criativa de Novembro foi o último de 2018, mas isso não significa que não esteja a preparar coisas já para o arranque do próximo ano. Janeiro é um bom mês para começar novos projectos e se querem começar (ou continuar) nestas lides da Escrita Criativa ou, quem sabe, oferecer um workshop pelo Natal, eu trago-vos quatro novas datas!     Estou cheia de espírito natalício, por isso tenho também preços especiais para quem se inscrever em mais do que um.     Ní (...)
21.11.18

Palavras Cruzadas // O pior Natal de sempre

Rita da Nova
Estamos a 34 dias da véspera de Natal, pouco mais de um mês. É só de mim ou falta demasiado tempo e que há coisas que ainda não se justificam? A saber: decorações, compras e músicas natalícias por todo o lado. Dezembro é o mês oficial de Natal, malta, porque é que decidimos antecipar a coisa para os finais de Outubro? Que mal fizemos nós?     Se hoje em dia sou um autêntico Grinch e acho esta antecipação toda um grande disparate, quando era miúda o caso era bem (...)