Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rita da Nova

07.11.19

Restaurantes // O Beco

Rita da Nova
Jantar fora na semana da Websummit é sempre um desafio porque até nos restaurantes mais escondidos há imensa gente. Eu sei o que estou a dizer, que eu fui jantar ao Beco - em Alfama - e estava um grupo grande lá. O nome faz jus ao local: o restaurante fica, de facto, num beco e é muito pequenino e acolhedor. Mesmo com a casa cheia, foi possível ter um jantar descansado. (...)
06.11.19

Os livros da Rita // How to live like your cat, Stéphane Garnier

Rita da Nova
Durante a nossa passagem pela Daunt Books, no último fim-de-semana em que estivemos em Londres, o Guilherme encontrou um pequeno livro com o título How to live like your cat. É claro que quis imediatamente trazê-lo comigo e acabei por lê-lo no voo de regresso, nesse mesmo dia.     É um livro muito engraçado para quem é fã de gatos e contacta com eles diariamente, uma vez que compara muitos dos seus hábitos aos dos seres humanos. No fundo, tenta mostrar-nos que temos muito a (...)
04.11.19

Verbo para o mês // Novembro

Rita da Nova
Oh senhores, já estamos no penúltimo mês do ano? A sério que isto está mesmo a acontecer? Quando me lembro da viagem à Patagónia e percebo que foi só no início deste ano, até me dá uma coisinha má. Fico sempre pasmada quando aqui venho escrever-vos sobre os meus planos para o mês (nota-se muito?). Mas bom, Outubro terminou da melhor maneira possível - com uma viagem por Marrocos que era mesmo o que eu precisava para parar um pouco.     Por muito que me custe admitir, às (...)
25.10.19

A caminho de Marrocos

Rita da Nova
F-É-R-I-A-S, finalmente! Este ano acabei por não tirar dias de férias no Verão e, com a mudança de trabalho, os planos para a grande viagem no início do ano que vem (como já é apanágio) também fica mais ou menos comprometida. Então arranjámos um meio-termo interessante de adiar as férias e fazer uma viagem um pouco mais curta.     Marrocos nunca tinha estado propriamente a lista dos destinos que mais queremos conhecer, mas quanto mais pesquisava sobre o país, mais vontade (...)