Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rita da Nova

Sex | 21.12.18

5 melhores restaurantes de 2018

Este é, possivelmente, um dos posts mais complicados de escrever aqui pelo blog. Eu explico: depois de ter revisitado tudo o que escrevi sobre restaurantes ao longo deste ano, de ter recordado as experiências e as coisas boas que comi, percebi que iria ter muita dificuldade em escolher apenas cinco restaurantes para destacar neste balanço. Depois de um tetris esforçado e (um bocadinho) suado, cheguei finalmente a uma lista dos 5 que foram importantes no meu ano por algum motivo.

 

POST-MELHORES-RESTAURANTES.png

 

Isso não significa que todos os outros que visitei não tenham qualidade - muito pelo contrário! Se há uma conclusão que tiro das minhas experiências gastronómicas, é que o nível de qualidade dos restaurantes em Lisboa está a aumentar a olhos vistos. Deixei também de lado o meu jantar de aniversário no Era Ora, um restaurante Michelin em Copenhaga, por ainda não vos ter falado sobre ele por aqui.

 

E agora sim, sem mais disclaimers, seguem os 5 melhores restaurantes de 2018:

 

 

1. Mabiche Pizza

Apaixonei-me à primeira refeição e voltei lá várias vezes durante este ano. Sou sempre muito bem tratada e isso vale ouro. As pizzas também são óptimas, feitas ao estilo de Marselha e inspiradas em mulheres importantes na vida do casal que veio de França para abrir este restaurante em Lisboa.

 

3.png

 

O que eu escrevi sobre esta pizzaria na altura da primeira visita, aqui:

> Mabiche Pizza: a nova pizzaria de Lisboa é só girl power

 

 

2. Ofício

Durante a temporada em que fiz o Whole30, redescobri o prazer de comer uma boa carne simples, sem grandes condimentos, daquelas que valem só por si. Conheci alguns restaurantes de carne maturada e outros de grelhados, mas nenhum me proporcionou uma surpresa tão boa quanto o Ofício. A carne é excelente e o espaço é super acolhedor!

 

2.png

 

Recordem a minha experiência no Ofício:

> Ofício: pomos mãos à obra?

 

 

3. Água pela Barba

Só fui ao Água pela Barba por causa dos vales da Time Out que comprei no final de 2017, mas arrependi-me logo de não ter lá ido antes. Pelo nome já podem calcular que aqui o peixe é rei, mas precisam mesmo de fazer uma visita a este restaurante para provarem as iguarias deliciosas que eles fazem com este ingrediente. A minha recomendação é que vão à hora de almoço, para que conheçam o restaurante com a luz do dia.

 

1.png

 

Leiam tudo sobre este espaço:

> Restaurantes // Água pela Barba

 

 

4. Dom Queijo

O meu paraíso na terra, um restaurante em que todos os pratos têm pelo menos um tipo de queijo - até as sobremesas. Não é um espaço muito grande, o que o torna ainda mais intimista. Foi mesmo uma experiência incrível e ainda bem que o menu muda com alguma frequência, para que cada visita seja sempre uma novidade.

 

4.png

 

A minha experiência no Dom Queijo, aqui:

> Restaurantes // Dom Queijo

 

 

5. Geographia

De todos os restaurantes que destaco neste post, este foi aquele que conheci mais recentemente. Mas nem por isso deixa de merecer um lugar de destaque no meu 2018. Como já vos disse, há muito tempo que um espaço não me surpreendia tanto pelo conceito que tem e respectiva concretização. Fiquei fã e hei-de voltar para dizer olá ao Ulisses.

 

5.png

 

Se não sabem do que falo, leiam isto:

> Restaurantes // Geographia

 

 

Agora vamos lá saber: partilham algum favorito desta minha lista? Quais foram, para vocês, os 5 melhores restaurantes de 2018?

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.