Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rita da Nova

Marhaba: um saboroso e solidário olá

Olá. Sempre gostei mais desta palavra do que de “bom dia” ou “boa tarde”. Um “olá” demonstra mais abertura para receber o outro, para o ouvir. Marhaba significa precisamente “olá” em árabe e é sob esse mote que um grupo de refugiados sírios se apresenta à cidade de Lisboa.

 

Foi do projecto “É uma vida”, da Associação CRESCER, que nasceu então o Marhaba - o Médio Oriente à Mesa. A ideia é ajudar à inclusão de refugiados sírios através de uma das coisas que melhor une as pessoas - a comida. Já tinha ouvido falar dos jantares de Natal que têm organizado em parceria com a agência The Hotel, mas a ideia teve tanta adesão que não consegui lugar à mesa.

 

marhaba-renovar-a-mouraria.jpg

 

Felizmente abriram vagas para almoço este fim-de-semana e lá fui eu, rumo à Associação Renovar a Mouraria, para provar algumas iguarias sírias. Junta-se o útil ao agradável: o custo dos almoços ou jantares reverte a favor deste maravilhoso projecto.

 

marhaba-renovar-a-mouraria-1.jpg

 

Comemos de tudo um pouco: HummusFalafelTabulehKobehMtabal e pão achatado. Estava tudo mesmo muito bom, sobretudo o hummus e o kobeh, que levava carne picada e bulgur.

 

marhaba-hummus.jpg

marhaba-falafel.jpg

marhaba-tabouleh.jpg

 

Madloaa, assim se chama a sobremesa que experimentei. Leva pistachio e sabe ligeiramente a limão, não sendo por isso muito doce.

 

marhaba-madloaa.jpg

 

Mais do que sair de lá com a barriga cheia (que saí, atenção), terminei o almoço verdadeiramente emocionada e tocada com a vontade destas pessoas de nos mostrarem um pouco da sua cultura e por o fazerem tão bem. Shukraan! Que é como quem diz: obrigada!

 

Que iniciativas solidárias deste género conhecem?